Empresa citrícola recebe de startups propostas de soluções para colheita

Programa é promovido pela Citrosuco em parceria com o movimento 100 Open Startups

laranjaAté a próxima terça-feira (5), a Citrosuco recebe propostas de startups de todo o Brasil para o Desafio Soluções para Colheita. Realizado em parceria com o movimento 100 Open Startups, principal plataforma internacional que conecta startups a grandes empresas e fundos de investimento, o programa tem como objetivo encontrar parceiros com soluções que facilitem a atividade, que hoje é feita manualmente.

De acordo com a Citrosuco, embora já existam iniciativas para a colheita mecanizada e semimecanizada, a colheita manual é atualmente realizada na totalidade das propriedades citrícolas nacionais. Trata-se de um processo de alto custo que exige grande quantidade de mão-de-obra.

“Nos últimos anos, com o encarecimento da mão-de-obra, o setor produtivo enfrenta também a escassez de trabalhadores, sobretudo devido à competição com a construção civil. Hoje, o processo de colheita já representa de 30% a 40% do custo total de produção, dependendo das características do pomar e do nível de produtividade. Portanto, o desenvolvimento de um sistema de colheita mecanizada se torna imprescindível para que o Brasil mantenha custos competitivos de produção de citros”, disse em nota Helton Carlos de Leão, gerente geral agrícola da Citrosuco.

As propostas que mais se destacarem poderão se tornar parceiras da empresa.

As inscrições devem ser feitas pelo link http://bit.ly/2AjzUzL

*Com informações da assessoria